Mesmo com mudanças no Top 6, Brighton segue líder

A 37ª rodada da League One, realizada nesse sábado (12), foi marcada pelas vitórias de Brighton, Southampton e Huddersfield, além da incrível goleada do Peterborough.
O líder Brighton cumpriu seu dever de casa e venceu o Tranmere Rovers, aumentando assim, a vantagem sobre o segundo colocado. Wood, batendo pênalti, e o artilheiro Glenn Murray marcaram os gols que garantiram os 3 pontos aos Seagulls. Enoch Showunmi e Lucas Akins até tentaram diminuir para o Tranmere, mas pararam nas boas defesas de Casper Ankergren. A vitória deixou o Brighton com 8 pontos de vantagem para o segundo colocado. Já o Tranmere, mesmo com dois jogos a menos, ainda vê a ameaça do rebaixamento rondar Prenton Park, e por enquanto é o 18°, com apenas 3 pontos de vantagem para o Walsall, primeiro da zona de rebaixamento.
Após mais de 50 anos sem se enfrentarem no Dean Court, Bournemouth e Southampton travaram um duelo na tentativa de entrarem no “Top Two”. O jogo começou frenético e, com 6 minutos, Lauri Dalla Valle, em posição duvidosa, colocou os Cherries na frente. A resposta dos visitantes foi imediata e Lee Barnard, aproveitando um cruzamento de Ricky Lambert, colocou de cabeça a bola no fundo da rede, decretando a igualdade no marcador. A tônica da partida continuava igual no segundo tempo, até que Dean Hammond marcou o gol da virada dos Saints e, já no fim, Ricky Lambert, o melhor jogador a partida, deixou o dele em uma espetacular cobrança de falta. Ainda deu tempo de Oscar Gobern ser expulso, mas nada que afetasse a grande vitória do time de Nigel Adkins. Essa foi a primeira derrota do Bournemouth em Dean Court no ano (a 2ª seguida na League One). Com o resultado, a equipe de Lee Bradbury despenca do 2° para o 5° lugar, já o Southampton sobe para a 4ª colocação.
Mesmo jogando fora de casa, o Huddersfield conseguiu uma importante vitória sobre o Bristol Rovers. Jordan Rhodes, aos 5 da primeira etapa, marcou o gol que colocou os Terries na vice-liderança. Os Pirates estão na vigésima-terceira colocação.
No London Road, mesmo perdendo 2 penaltis, com Grant McCann e Mickail-Smith, o Peterborough aplicou sonoros 6x0 no Carlisle. Logo aos 2 minutos de jogo, Tommy Rowe abriu o placar para o Posh. Após a vantagem, o time da casa continuou sufocando e marcou mais duas vezes antes do intervalo, com Mickail-Smith, de cabeça, e George Boyd. Mesmo com o placar decidido, o time de Darren Ferguson não tirou o pé no segundo tempo e, se aproveitando da expulsão de Liam Cooper, aos 15 da segunda etapa, marcou mais 3 com Ryan Bennet, Boyd, em um voleio espetacular, e David Ball, já nos acréscimos. A goleada garantiu a 3ª posição para o Posh, que agora está a apenas 1 ponto da promoção direta (e ainda com um jogo a menos que seu rival Huddersfield); o Carlisle é o décimo.
No The Valley, o Charlton praticamente deu adeus à briga pelos playoffs após ser derrotado em casa, pelo Brentford. Leon Legge, no último minuto de jogo, marcou de cabeça o gol da vitória dos Bees, para a tristeza dos 14.985 pagantes no estádio. A derrota deixa os Addicks a 13 pontos do MK Dons, e complica muito a situação do time de Chris Powell (mesmo eles ainda tendo 3 jogos a menos que o rival). Já o Brentford permenace no meio da tabela, com poucas possibilidades de rebaixamento ou playoffs.
No Matchroom Stadium, o Leyton Orient aumentou sua série de partidas invictas para 14 com a vitória sobre o Oldham. O reserva Paul-Jose M'Poku anotou o único gol da partida e mantém as esperanças dos O’s de ir aos playoffs. Os Latics, que não vencem a 9 jogos, permanecem na 13ª posição.
O MK Dons segue lutando por um lugar entre os 6 primeiros. Com um hat-trick de Sam Baldock, os visitantes nem tomaram conhecimento do Colchester. A vitória mantém a equipe de Karl Robinson na 6ª colocação, agora com 61 pontos. O Colchester permanece no 12° lugar.
Enquanto isso, o Hartlepool quebrou uma seqüência de 3 vitórias do Plymouth vencendo em seus domínios. Antony Sweeney, após uma linda jogada de Ryan Donaldson, abriu o placar para o Pool (foi seu 50° gol pelo clube) e Sam Collins, após um bom cruzamento de Leon McSweeney decretaram a vitória dos mandantes. O resultado jogou o Plymouth novamente para a lanterna; o Hartlepool segue em oitavo.
No Spotland Stadium, o Rochdale perdeu sua 3ª partida seguida, desta vez para o Exeter. Jamie Cureton marcou o único gol da partida e levou o Exeter ao nono lugar da competição; o Dale cai para 15°.
Em Sheffield, o Wednesday não foi páreo para o Notts County, que venceu após quatro partidas. Richard Gow, batendo pênalti, amenizou a situação do County que segue em 16°, mas agora com 6 pontos de vantagem para o Walsall. O Sheffield Wed vem logo acima, em 15°.
Em um jogo de extrema importância contra o rebaixamento, Swindon e Dag & Red apenas empataram. Mike Grella, por cobertura, marcou para o Swindon e Jon Nurse, já no fim, decretou o empate em County Ground. O Swindon, que ainda não venceu desde que Paul hart assumiu, segue na zona de rebaixamento; o Dag & Red é o 20°, acima do Walsall apenas pelo saldo de gols.
Yeovil e Walsall também terminaram em igualdade no Huish Park. Andy Williams, para os Glovers, e Jon Macken, para o Walsall, marcaram os gols que mantiveram as equipes em 21° e 19° lugares, respectivamente.

Confira a tabela da competição:


Lucas Leite
sábado, 12 de março de 2011 às 18:55

Gostou? Compartilhe

Siga o Football League Brasil

Postagens recomendadas:

1 comentários:

  1. aceita parceria?
    é só colocar meu banner ou link no seu blog e me avisar pra eu fazer o mesmo
    http://mengaohexa.blogspot.com/
    visita lá

    ResponderExcluir

 
 
 

Blog Archive

Arquivo do blog